Índice Futuro: Análise do Curto Prazo 19/01/15

ÍNDICE FUTURO – GRÁFICO DE 60min
  • O Índice Futuro fez um fundo em forma de ombro cabeça ombro invertido. O padrão já foi acionado.
  • Um rompimento acima de 50.200 (R1S e PM) confirmaria o sentimento de alta para o médio prazo e aumentaria a chance de ocorrer a borboleta de baixa no gráfico diário conforme mencionado na última ánalise do médio prazo.
Figura 1 - Indice Futuro (gráfico de 60min). Ombro cabeça ombro invertido.

Figura 1 – Índice Futuro (gráfico de 60min). Ombro cabeça ombro invertido.

 

 

ÍNDICE FUTURO – GRÁFICO DE 15min (parte 1)
  • O mercado acionou uma dupla repenetração de venda.
  • Seu alvo mínimo é na zona dos 49.000 (não mostrado no gráfico).
  • A tendência aqui é firmemente de baixa.
Figura 2 - Índice Futuro (gráfico de 15min). Dupla repenetração de venda.

Figura 2 – Índice Futuro (gráfico de 15min). Dupla repenetração de venda.

 

 

ÍNDICE FUTURO – GRÁFICO DE 15min (parte 2)
  • Uma vez que foi acionada uma dupla repenetração de venda o mercado pode fazer uma correção em forma de ABCD com alvo mínimo na zona dos 49.000. Esse é o mesmo alvo da dupla repenetração e também PD.
  • Logo abaixo temos uma importante zona de suporte do curto prazo em 48.950 – 48.750, compreendendo PS, a área K e ambos os alvos de de 1.272 e 1.618 do ABCD. Essa região tende a ser o principal alvo do curto prazo e a ser respeitada caso o mercado realmente esteja com sentimento de alta para o médio prazo.
  • Observe também que o mercado pode primeiro fazer uma borboleta de baixa (não mostrada no gráfico) para só depois começar alguma correção. Isso também poderia acionar um padrão de falha da dupla repenetração de venda.
  • A perda de 48.450 seria um primeiro sinal de alerta de que o mercado estaria perdendo força de alta para o médio prazo. Essa área compreende o suporte de cinco oitavos de todo o rescente movimento de alta juntamente com a linha inferior de um canal de baixa. Lembrando que o ponto de invalidação do cenário de alta no médio prazo é a perda de 46.650 – 46.500 (apresentado na análise do médio prazo).
Figura 3 - Índice Futuro (gráfico de 15min). Principais suportes.

Figura 3 – Índice Futuro (gráfico de 15min). Principais suportes.

 

 

ÍNDICE FUTURO – CONCLUSÃO DO CURTO PRAZO
  • O principal alvo do curto prazo no gráfico atual tende a ser a região de 48.950 – 48.750.
  • O mercado pode também continuar subindo um pouco mais antes de fazer alguma correção.
  • A perda de 48.450 seria um primeiro sinal de alerta de que o mercado estaria perdendo força de alta para o médio prazo.
  • O rompimento e sustentação acima de 50.200 confirmaria o sentimento de alta para o médio prazo a aumenta a chance de formação da borboleta de baixa no gráfico diário.

 

 

Para saber se essa análise permanece válida na data atual consulte o nosso Quadro de Análises Válidas.

Consulte informações sobre o Índice Futuro e outros contratos futuros na página oficial da BM&FBovespa.

 

Compartilhe essa postagem:

Facebooktwitterredditlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 + dezessete =